You are here

Inspeção do Gancho/Haste

VERIFIQUE SE OS COMPONENTES ESSENCIAIS DA PONTE ROLANTE APRESENTAM SINAIS DE FADIGA

O conjunto do moitão inferior da ponte rolante é formado por muitos componentes essenciais, sujeitos a cargas e tensões durante cada ciclo de elevação. Embora possam ocorrer falhas do gancho devido à sobrecarga ou ao tratamento mecânico incorreto do gancho, os ganchos falham com mais frequência devido à fadiga acumulada. Normalmente, essas falhas começam como uma fissura de fadiga na haste do gancho. A haste do gancho, que transfere a carga para o bloco do gancho, é sustentada dentro do corpo do bloco por um rolamento giratório e outros componentes mecânicos que não podem ser vistos quando desmontados.

Talvez você não receba qualquer aviso prévio no caso de uma falha de fadiga. A falha de fadiga depende da carga, do nível de tensão e do número de ciclos de elevação. Alguns fatores que podem contribuir para o acúmulo de fadiga são aplicações pesadas de serviço de processo, mudanças de aplicação, sobrecargas, equipamento antigo e o uso de dispositivos de elevação abaixo do gancho.

Testes Não Destrutivos para Inspeções do Gancho da Ponte Rolante

A Konecranes utiliza diversas técnicas comprovadas de testes não destrutivos, como de líquido penetrante, partículas magnéticas e borracha magnética, além da inspeção visual e das medições normalmente realizadas durante a inspeção do gancho. Devemos destacar que o moitão inferior é totalmente desmontado. Assim, os componentes essenciais são examinados juntamente com a haste do gancho, onde a maior parte das falhas de fadiga tem origem.